Causa não revelada

Morre, aos 65 anos, o diretor Del Rangel

Atual responsável pela programação da TV Cultura, ele foi casado com Regina Duarte e passou por várias emissoras como Globo e SBT

Por Da Redação
Publicado em 17 de julho de 2020 | 07:15
 
 
 

 
Morreu na noite de quinta (16), aos 65 anos, o diretor e produtor cearense Del Rangel, atual responsável pela programação da TV Cultura de São Paulo.
 
A causa da morte não foi divulgada. Segundo a  emissora, ele trabalhou normalmente na quinta, no bairro da Água Branca, em São Paulo, e se sentiu mal ao voltar para casa. Não há informações sobre o hospital para o qual ele foi levado.

"A Diretoria Executiva da Fundação Padre Anchieta comunica, com grande pesar,​ o falecimento de seu Diretor de Programação, Del Rangel, 65 anos, na noite desta quinta-feira (16/7). Os locais e horários do velório e sepultamento serão informados oportunamente", disse a emissora em nota.

Antônio Rangel --seu nome de batismo-- nasceu em Fortaleza, no Ceará, em 1955. O também produtor de televisão trabalhou na Globo, Bandeirantes e Record em sua trajetória na TV.

No cinema dirigiu filmes importantes dos Trapalhões como "O Trapalhão na Arca de Noé" (1983) e "Uma Escola Atrapalhada" (1990)

Casado com a atriz Regina Duarte entre 1983 e 1995, ele a dirigiu o seriado "Joana", realizado por uma produtora independente e exibido pelo SBT e pela extinta TV Manchete, em 1984. Com ela, também fez o seriado Retrato de Mulher (Globo, 1993).

Del passou a integrar o time de diretores de dramaturgia da TV Globo na década de 80, trabalhando em tramas como Cambalacho (1986), O Outro (1987) e Bebê a Bordo (1987). Nos anos 1990, se transferiu para o SBT, quando dirigiu Éramos Seis (1994), As Pupilas do Senhor Reitor (1994), Sangue do meu Sangue (1995) e Razão de Viver (1996).
 
Na emissora de Silvio Santos, teve ainda outras duas passagens. Em 2006, trabalhou com Herval Rossano em "Cristal". Voltou ao SBT no fim de 2008 com a missão de assumir o núcleo de teledramaturgia do canal, ficando responsável pela direção geral de "Vende-se um véu de noiva" (2009), "Uma Rosa com Amor" (2010) e "Corações Feridos" (2012).
 
Del também foi responsável por lançar vários atores como Renato Góes, que estreou na novela "Água na Boca", em 2008, na Band, e participou de tramas na Globo novelas como "Velho Chico" e "Órfãos da Terra".

Notícias exclusivas e ilimitadas

O TEMPO reforça o compromisso com o jornalismo profissional e de qualidade.

Nossa redação produz diariamente informação responsável e que você pode confiar. Fique bem informado!