GASTRONOMIA

Veja como se alimentar de forma saudável nas festas juninas

Nutricionista explica como aproveitar a comemoração sem prejudicar a saúde

Por Edicase
Publicado em 08 de junho de 2024 | 14:00
 
 
 

Com o início da temporada das festas juninas por todo o país, aumenta a expectativa de consumir as famosas comidinhas típicas. No entanto, é preciso estar atento à alimentação. Nem sempre esses pratos tradicionais são os mais saudáveis, segundo a nutricionista Fabiana Guimarães.

Ela explica que é preciso ter atenção aos ingredientes e à forma como são preparados, se quiser aproveitar as festas sem culpa e sem prejudicar a saúde. “A ideia não é proibir este ou aquele alimento, mas, sim, tentar priorizar aqueles que são mais benéficos, com mais nutrientes, e reduzir os que não fazem bem”, comenta.

Alguns dos alimentos saudáveis para consumir nesta época do ano, segundo a nutricionista, são:

Salgados 

  • Milho-verde cozido (com moderação no sal e na manteiga); 
  • Pinhão;
  • Cuscuz; 
  • Pipoca de milho (atenção ao sal e a manteiga); 
  • Churrasquinho (atenção ao tempero artificial); 
  • Caldos (dependendo da forma de preparo também são boas opções). 

Doces 

  • Batata-doce cozida;
  • Doce de abóbora ou de fruta sem açúcar;
  • Paçoca diet. 

Além disso, a nutricionista ressalta que algumas substituições simples podem tornar o quitute mais saudável. Por isso, confira algumas receitas saudáveis!

Três queijadinhas no prato
Queijadinha de baixo carboidrato (Imagem: RcriStudio | Shutterstock)

Queijadinha de baixo carboidrato 

Ingredientes

  • 20 g de coco fresco ralado
  • 2 colheres de sopa de queijo ralado 
  • 1 ovo
  • 1 colher de chá de adoçante 
  • Óleo de coco para untar 

Modo de preparo 

Em um recipiente, coloque todos os ingredientes e misture bem. Em seguida, unte formas para queijadinha com óleo de coco e despeje a massa sobre elas. Leve ao forno preaquecido em temperatura média por 15 minutos. Retire do forno, espere esfriar e sirva em seguida. 

Carne louca 

Ingredientes

  • 1 kg de carne de lagarto cortado em tiras finas 
  • 1 folha de louro
  • 3 dentes de alho amassado
  • 1/2 colher de sopa de cominho
  • 1 colher de sopa de tomilho fresco
  • 1/2 colher de sopa de semente de coentro moída 
  • 5 colheres de sopa de azeite 
  • 300 g de tomate pelado picado
  • 4 tomates maduros sem pele, sem sementes e picados 
  • 1 pimentão vermelho cortado em rodelas 
  • 4 xícaras de chá de água 
  • 1 pimentão amarelo cortado em rodelas 
  • 4 colheres de sopa de vinagre de vinho tinto
  • Sal e pimenta-do-reino moída a gosto

Modo de preparo 

Em um recipiente, coloque a carne e tempere com o alho, o cominho, o coentro e o tomilho. Adicione o sal e a pimenta-do-reino. Coloque metade do azeite em uma panela de pressão e leve ao fogo médio para aquecer. Coloque a carne na panela de pressão e refogue por 5 minutos. Adicione a água, o louro e os tomates. Cozinhe por uma hora e meia, contando a partir do momento que pegar a pressão. 

Retire a panela do fogo, deixe sair o vapor com cuidado. Retire a carne do molho e desfie. Volte a carne para a panela e reserve. Em uma frigideira, aqueça o restante do azeite e refogue a cebola e o pimentão até ficarem macios, acrescente o vinagre e refogue por mais 1 minuto. Junte o refogado à panela e cozinhe por mais 15 minutos. Sirva em seguida.   

Por Débora da Mata 

Notícias exclusivas e ilimitadas

O TEMPO reforça o compromisso com o jornalismo profissional e de qualidade.

Nossa redação produz diariamente informação responsável e que você pode confiar. Fique bem informado!