Evento

Abav testa formato virtual; Minas participa com dois estandes

Evento com proposta híbrida será aberto neste domingo (27), Dia Mundial do Turismo, em Salvador; produtos do Estado serão exibidos em vitrine nacional

Dom, 27/09/20 - 13h29
Leônidas Oliveira, secretário de Estado da Cultura e Turismo: "Essa é uma oportunidade das agências de receptivo colocarem Minas Gerais como produto no mercado brasileiro"
audima

A Associação Brasileira das Agências de Viagens (Abav) testa neste domingo (28) seu primeiro formato híbrido, com parte presencial e outra virtual. A escolha do Dia Mundial do Turismo para a abertura é proposital: o evento presencial será conectado às comemorações da Organização Mundial do Turismo (OMT) e acontecerá em Salvador, na Bahia, seguido de show da banda Olodum. A abertura contará com a participação do secretário-geral da OMT, Zurad Pololikashvili, e do ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio.

Como aconteceu com eventos por todo o país, a Abav cancelou sua tradicional a Abav Expo neste ano por conta da pandemia da Covid-19 - a feira estava marcada para esta semana no centro de convenções do Expo Norte (SP). Na impossibilidade de sua realização, a entidade criou um evento totalmente novo. "O Abav Collab é 100% pensado para o momento atual e deixo claro que o presencial é insubstituível", afirma Magda Nassar, presidente da Abav.

Uma plataforma virtual, com tradução para 20 idiomas e acesso ilimitado do número de participantes, reproduzirá o ambiente da Abav Expo, com seus pavilhões e estandes, salas para palestras, espaço para networking e geração de negócios e até uma área Black Friday, no dia 2/10, aberta ao público consumidor, com 287 ofertas de produtos e serviços.

Diferenciais

Para participar da transmissão neste domingo, o interessado deve fazer um credenciamento prévio pelo site abavcollab.com.br. Um dos diferenciais da feira em relação ao evento presencial é que todo conteúdo gerado permanecerá na plataforma até julho de 2021. "Esse é um grande streaming de turismo", define Magda Nassar.

Outro diferencial é que o agente de viagens, público-alvo da feira de turismo, poderá entrar a qualquer hora do dia no evento. As salas de capacitação têm limite de mil pessoas por palestras. Nesta segunda-feira (dia 28), um tutorial colocará os participantes em contato com os recursos da feira, possibilitando montar uma pré-agenda e se familiarizar com a ferramenta.

Para esta edição, estão confirmadas mais de 150 empresas, que ocuparão 400 estandes. Haverá, ainda, ações presenciais em drive-ins, que não foram explicadas pela organização. Até neste domingo (27), eram mais 11 mil agentes de viagens inscritos. 

A Abav Collab terá também seu lado social, com arrecadação de uma "vaquinha virtual" com contribuições voluntárias dos participantes, que serão convertidas em vale-refeição e entregues aos profissionais da área de eventos impactados pela pandemia. Com o cancelamento dos eventos pelo país, muitos profissionais do segmento ficaram sem renda.

Minas Gerais

Minas Gerais terá participação dupla na Abav Collab, com presença no estande Destinos do Brasil, do Ministério do Turismo (MTur), ao lado de vários Estados que exibirão seu potencial turístico, e no espaço Minas Recebe, onde a Secretaria de Estado de Cultura e Turismo (Secult) comercializará destinos aos agentes de viagens através de cinco receptivos.

Segundo o secretário de Estado de Cultura e Turismo, Leônidas Oliveira, o foco são a Estrada Real, o Circuito das Águas, o ecoturismo e o turismo de aventura, a área metropolitana de Belo Horizonte e entorno e a gastronomia como o elo entre esses atrativos. Só na área da Black Friday, serão 25 roteiros de Minas a serem comercializados para o consumidor final.

"Essa é uma oportunidade das agências de receptivo colocarem Minas Gerais como produto no mercado brasileiro ", enfatiza Oliveira. O secretário - que pretende estar todos os dias na feira, desenvolvendo articulação política e contatos com autoridades - afirma, que nesse primeiro momento, o importante é posicionar o Estado no mercado de turismo brasileiro.

A Abav Collab também será uma oportunidade de divulgar os projetos Minas para Minas e de Minas para o Brasil. Esse último será amplamente divulgado, segundo Oliveira, no dia 2 de dezembro, quando será comemorado os 300 anos de Minas Gerais. "Teremos uma grande campanha de marketing do destino Minas em todo o país", adianta o secretário.

Dados da Pesquisa Mensal do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) revelam um crescimento de 5,5% das atividades turísticas no país em julho - Minas aparece em segundo lugar como o destino mais procurado pelos viajantes e terceiro que mais cresce na retomada do turismo. Para Oliveira, estar próximo de Rio e São Paulo favorece o Estado.

"É a primeira vez que a Abav faz um evento totalmente virtual. Estávamos um pouco preocupados, por conta do ineditismo em todo mundo, mas felizmente tivemos a adesão maciça de expositores e agentes de viagens", afirma Alexandre Carvalho, presidente da Abav-MG. Ele também elogia a participação de Minas Gerais na feira virtual. 

"Depois de participações pífias nas últimas Abav, a Secult está entrando com estande próprio, do nível de Estados como Bahia, Ceará e Santa Catarina. Esperamos que essa seja uma virada de chave na promoção turística de Minas. A Abav-MG estará no estande Destinos do Brasil, ajudando a divulgar os programas De Minas para Minas e De Minas para o Brasil", afirma. 

Palestras

Além dos estandes para marketing e comercialização, Minas Gerais fará três palestras -Turismo Criativo e Gastronômico em Minas Gerais, na quarta-feira (30/9), apresentada pela subsecretária de Turismo, Marina Simião; Experimente Minas Gerais, na quinta-feira (1/10), e Patrimônios Culturais da Humanidade, na sexta-feira (2/10), ambas ministradas pelo analista do Núcleo de Inteligência de Mercado da Secult, Jean Rodrigues.

Ainda na feira, o Estado marca presença em outras três palestras de agências de viagens: Uma síntese de Minas, pela Ouro Preto Travel; A capital Mineira, pela Sensações Turismo;  e Caminho pro Interior Mineiro, pela Viaggio Bene, todas na quarta-feira (30/9), a partir das 17h, no auditório Collab. E terá ainda o vídeo tutorial Roteiro Azeites de Minas Gerais, apresentado pela azeitóloga Ana Beloto, no auditório Abav, na sexta-feira (2/10).

Para Leônidas Oliveira, a grande atração do Estado é o aconchego e a hospitalidade. Além disso, ressalta o secretário, há uma paisagem cultural única. Minas Gerais tem 60% do patrimônio histórico do país, dezenas de parques naturais para a prática de ecoturismo e turismo de aventura, um dos maiores complexos de lagos do Brasil e uma irresistível gastronomia. E tudo isso vai estar na Abav Collab a partir deste domingo.

Podcasts Relacionados

Deixe seu comentário
* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso
Reginaldo Torres 2:01 PM Sep 28, 2020
O que eu sei é que a SECULT vai pagar um bom dinheiro pra participar deste "evento virtual"... será que trará algum retorno para os mineiros? Sei não... coisas de Leônidas...
0
Denunciar

LEIA MAIS
Caribe
Roteiro
Mercado
América Latina
De volta
Turismo
Eventos
Tocantins
Crise
Viagens