No vermelho

Musk diz que Twitter perdeu metade de sua receita publicitária

Bilionário dono da rede social informou que o caixa está negativo

Por Agência
Publicado em 15 de julho de 2023 | 21:59
 
 
 

Elon Musk afirmou neste sábado (15) que o Twitter, rede social que ele comprou por US$ 44 bilhões em outubro de 2022, perdeu cerca de metade de seus ganhos com publicidade.

"Ainda estamos em uma situação de fluxo de caixa negativo, devido a uma queda de aproximadamente 50% na receita publicitária e ao pesado fardo da dívida", respondeu o bilionário no Twitter a um usuário que havia feito sugestões estratégicas sobre a plataforma.

"Precisamos alcançar um fluxo de caixa positivo antes de nos darmos ao luxo de fazer qualquer outra coisa", acrescentou, sem dar mais detalhes.

As modificações introduzidas por Musk desde que assumiu o controle da rede social têm incomodado usuários e anunciantes.

Em maio, a empresa de pesquisa de mercado Insider Intelligence afirmou que o Twitter estava caminhando para ganhar menos de US$ 3 bilhões em 2023, quase um terço a menos do que no ano anterior.

Desde então, o magnata fez mais anúncios que irritaram os usuários, como o do início de julho, de que a leitura de tweets seria restrita a 10.000 por dia para contas verificadas, 1.000 para as não verificadas e 500 para contas novas.

Alguns dias depois, declarou que o aplicativo TweetDeck, amplamente utilizado por profissionais da informação, seria reservado a partir de agosto para contas certificadas, ou seja, pagas. (AFP)

Notícias exclusivas e ilimitadas

O TEMPO reforça o compromisso com o jornalismo profissional e de qualidade.

Nossa redação produz diariamente informação responsável e que você pode confiar. Fique bem informado!