política internacional

'Se Putin tomar a Ucrânia, não vai parar por aí', alerta Biden

O Congresso dos Estados Unidos deve aprovar novos fundos para a Ucrânia este mês

Por Agências
Publicado em 06 de dezembro de 2023 | 15:37
 
 
 

O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, alertou, nesta quarta-feira (6), que seu homólogo russo, Vladimir Putin, "não vai parar por aí" se conseguir tomar a Ucrânia.

"Se Putin tomar a Ucrânia, ele não vai parar por aí (…) Ele seguirá em frente, deixou isso bem claro", disse Biden na Casa Branca, em um discurso no qual pediu ao Congresso que aprovasse mais fundos para Kiev. E se a Rússia atacar um membro da Otan, acrescentou, "então teremos algo que não buscamos e que não temos hoje: tropas americanas lutando contra tropas russas".

O Congresso dos Estados Unidos deve aprovar novos fundos para a Ucrânia este mês ou corre o risco de dar ao líder russo, Vladimir Putin, "o maior presente", alertou o presidente Joe Biden. 

"Isto não pode esperar", disse Biden em discurso na Casa Branca. "O Congresso precisa aprovar fundos adicionais para a Ucrânia antes do início do recesso natalino, simples assim", acrescentou.

(AFP)
                
 

Notícias exclusivas e ilimitadas

O TEMPO reforça o compromisso com o jornalismo profissional e de qualidade.

Nossa redação produz diariamente informação responsável e que você pode confiar. Fique bem informado!