guerra

Zelensky falará em reunião urgente da ONU sobre ataques russos

A Ucrânia continua exigindo uma resposta determinada da comunidade internacional a esses crimes, disse o presidente

Por Agências
Publicado em 23 de novembro de 2022 | 16:21
 
 
 

O presidente de Ucrânia, Volodimir Zelensky, falará em uma reunião urgente do Conselho de Segurança da ONU, nesta quarta-feira (23), sobre os ataques russos que causaram quedas de energia na vizinha Moldávia – disseram diplomatas.

Zelenski participará do debate de emergência, solicitado por Kiev e que terá início às 16h (18h, em Brasília) em Nova York, por uma chamada de vídeo, informaram dois diplomatas à AFP.

Em um tuíte, o líder ucraniano disse ter instruído o embaixador de seu país nessa organização mundial, Sergiy Kyslytsya, a solicitar a reunião.

"A morte de civis e a destruição de infraestrutura civil são atos de terror. A Ucrânia continua exigindo uma resposta determinada da comunidade internacional a esses crimes", disse Zelensky.

Em uma carta solicitando a reunião ao presidente do conselho, à qual a AFP teve acesso, Kyslytsya escreveu que, com os ataques de quarta-feira, a Rússia "cometeu outro ato de terror contra a população civil da Ucrânia".

O ataque aéreo atingiu a já debilitada rede elétrica da Ucrânia, matando várias pessoas e desconectando três centrais nucleares da rede.

A vizinha Moldávia disse, por sua vez, estar sofrendo apagões generalizados causados pelo novo bombardeio. Sua presidente, Maia Sandu, acusou a Rússia de deixar seu país "no escuro".

(AFP)
                
 

Notícias exclusivas e ilimitadas

O TEMPO reforça o compromisso com o jornalismo profissional e de qualidade.

Nossa redação produz diariamente informação responsável e que você pode confiar. Fique bem informado!