Gabriel Pazini
@superfcoficial
17/09/19
10h03

Curiosidades

O futuro veterinário que é a esperança do Galo em sua estreia no país natal

Provável novidade do Atlético para o duelo com o Colón-ARG, Franco Di Santo fará sua primeira partida como profissional na Argentina

Gabriel Pazini | @superfcoficial
17/09/19 - 10h03

Para marcar os gols que estão faltando, a esperança do Atlético está nos pés de um argentino amante dos animais que sonha em ser veterinário, cuidando de vidas com as mãos depois de se aposentar, e nunca jogou em seu país natal como profissional. A paciência com Ricardo Oliveira parece ter acabado depois de mais uma atuação ruim do jogador, que marcou apenas um gol nos últimos 21 jogos. 

A falta de bolas nas redes e a ineficiência nas finalizações, afinal, estão pesando para o Atlético, que cria muitas chances, mas não as converte, e vive momento ruim com cinco derrotas seguidas.

Com isso, a possibilidade de o Galo ter um centroavante diferente contra o Colón-ARG, em Santa Fe, nesta quinta-feira (19), às 21h30 (de Brasília), pelo duelo de ida das semifinais da Copa Sul-americana, é "grande", segundo o técnico Rodrigo Santana declarou em entrevista coletiva, e o novo '9' alvinegro, de acordo com o próprio treinador, deve ser o argentino Franco Di Santo.

O experiente atacante de 30 anos entrou bem e balançou as redes contra o Botafogo, na penúltima rodada do Brasileiro, e teve novo bom desempenho na derrota para o Internacional. Com o argentino mais preparado fisicamente, entrando bem e sendo constantemente pedido pela torcida, Santana deve lhe dar uma oportunidade contra o Colón.

"Há grandes possibilidades do Franco estar jogando na quinta (no lugar de Ricardo Oliveira). Ele está apto a jogar 90 minutos e vamos dando confiança ao jogador aos poucos. Ele teve um tempo bom em campo contra o Inter, brigou, mostrou presença de área, jogou bem e também já entrou bem na penúltima partida, e isso nos dá confiança de colocar o jogador para sair jogando", afirmou o treinador.

Caso realmente jogue contra o Colón, Di Santo fará seu primeiro jogo como profissional em seu país natal. O jogador, afinal, deixou a Argentina muito jovem e foi revelado pelo Audax Italiano-CHI. Depois, construiu sua carreira no futebol europeu, passando por Chelsea-ING, Blackburn-ING, Wigan-ING, Werder Bremen-ALE, Schalke 04-ALE e Rayo Vallecano-ESP, alternando momentos bons e ruins antes de chegar ao Atlético.

"É a primeira vez que jogarei na Argentina se jogar essa partida, e será uma partida muito especial, porque se conseguirmos vencer estaremos mais perto da final da Copa Sul-americana. Tomara que eu possa fazer muitos gols para ajudar a equipe. O clube confiou em mim e quero retribuir. O Atlético é uma mudança na minha história", disse o atacante, agradecido pela oportunidade de jogar em sua terra pela primeira vez como profissional, em entrevista coletiva.

Na mesma coletiva, Di Santo ainda revelou sonhar em se tornar veterinário depois de pendurar as chuteiras. "Quero ser veterinário depois de me aposentar. Gosto muito de animais, tenho dois cachorros e os animais são muito importantes pra mim", declarou.

Será que o futuro veterinário vai resolver o problema da falta de gols do Galo?

Escreva um comentário
Comentar
Log View
Vem ser Premium!
Seja Premium
Salve matérias
Você poderá salvar as matérias para ler quando e onde quiser.
Matérias Premium
Veja as matérias exclusiva para usuários premium.
Notificações
Receba notificações de novas matérias do seu time do coração.
Av. Babita Camargos, 1645 - Contagem Minas Gerais - CEP: 32210-180
+55 (31) 2101-3000