Daniel Ottoni
@dottoni
28/07/20
14h25

20 anos de história

Minas se despede de Luciano Corrêa e agradece pela contribuição do ex-judoca

Campeão mundial defendeu o clube desde 2000 antes de se aposentar em 2017; desde então, ocupava cargo de treinador da modalidade

luciano correa judo minas tecnico
Luciano ocupava cargo de técnico da base do Minas desde 2017 — Foto: Leo Fontes
luciano correa tecnico sub18 judo minas
Luciano foi uma das principais referências do judô do Minas nas duas últimas décadas — Foto: Leo Fontes
Daniel Ottoni | @dottoni
28/07/20 - 14h25

A relação de anos entre Minas Tênis Clube e o ex-judoca Luciano Corrêa não poderia impedir que a instituição tivesse outra atitude a não ser de respeito e compreensão com a decisão do campeão mundial em deixar o clube após 20 anos de parceria, títulos e muitas conquistas. 

Depois de Luciano divulgar sua despedida do clube, nesta segunda-feira, foi a vez do Minas publicar mensagem de agradecimento e desejo de sucesso ao profissional, que foi atleta do clube entre 2000 e 2017, quando se aposentou. Desde então, ele ocupava cargo de treinador da base e auxiliar-técnico do time profissional. 

“A diretoria do Minas só tem a agradecer ao campeão Luciano Corrêa, que chegou ao clube ainda menino e se tornou um exemplo bem-sucedido do trabalho de formação esportiva. É enorme a contribuição de Luciano à história do judô minastenista e brasileiro, seja como atleta vencedor e profissional dedicado e também como referência na promoção do desenvolvimento do judô, à frente de instituições que têm no esporte um importante instrumento de inclusão social”, afirma Carlos Henrique Martins Vieira, vice-presidente do Minas e também judoca.

Luciano decidiu ficar mais tempo ao lado da família e vai se mudar para Recife para estar mais perto da esposa, a ex-nadadora Joanna Maranhão e do filho Caetano, de um ano. 
 

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

CARTA ABERTA: Difícil colocar em palavras 20 anos de história. Cheguei no Minas Tênis Clube jovem, cheio de sonhos, em busca de uma medalha em campeonato mundial, uma medalha olímpica e nunca imaginei que o que Belo Horizonte me proporcionaria seria infinitamente maior do que qualquer conquista. É tanto que não consigo falar sem me emocionar. O clube me abraçou, acreditou no meu potencial, me forneceu estrutura e juntos conquistamos muitas coisas. Conquistamos também a capacidade de cair e levantar. No minas tênis clube ingressei na seleção brasileira, me tornei medalhista em campeonato mundial, perdi um grande amor na minha vida, recebi afeto de tantas pessoas, lutamos juntos e conquistamos o título no mundial de 2007. São muitas histórias, muitas pessoas, impossível citar todas, vocês sabem quem são. O minas tênis clube é gigante, ele é composto pelas pessoas que trabalham, os treinadores, os atletas, os sócios, os dirigentes, são muitas histórias e muitos encontros. Me sinto privilegiado por ter feito parte disso. Sou um eterno apaixonado pelo judô, passei infinitas madrugadas assistindo meus adversários lutando, estudando, ia pro tatame e queria mais, queria aprimorar minhas qualidades, evoluir na parte técnica. Não consigo dissociar minha vida do judô. Só mesmo o judô pra me fazer morar longe de minha família, era preciso um objetivo muito grande e o Minas me proporcionou isso. Sou uma pessoa muito ligada a família e é por ela que, hoje, infelizmente, sou obrigado a me despedir do Minas. (Segue nos comentários)

Uma publicação compartilhada por Luciano Correa (@correaluciano) em

Escreva um comentário
Comentar
Log View
Vem ser Premium!
Seja Premium
Salve matérias
Você poderá salvar as matérias para ler quando e onde quiser.
Matérias Premium
Veja as matérias exclusiva para usuários premium.
Notificações
Receba notificações de novas matérias do seu time do coração.
Av. Babita Camargos, 1645 - Contagem Minas Gerais - CEP: 32210-180
+55 (31) 2101-3000