Daniel Ottoni
@dottoni
21/10/20
12h14

Prevenção e economia

Rally dos Sertões: premiação também vai acontecer para carros de apoio

Tecnologia permite controle de informações em tempo real, incentivando motoristas a gerarem menor desgaste dos veículos

Sertões chega, em 2020, a sua 28ª edição — Foto: Doni Castilho
Daniel Ottoni | @dottoni
21/10/20 - 12h14

A preocupação com a segurança dos participantes do Rally dos Sertões vai além dos pilotos e navegadores inscritos. A organização do evento, que chega a sua 28ª edição, preza pelo cuidado também com os carros de apoio e seus motoristas, peças fundamentais para o bom desenrolar da prova. O Sertões, considerado o maior rally das Américas, larga dia 30 de outubro de São Paulo e chega dia 7 de novembro, em Barreirinhas (MA).

Pelo segundo ano consecutivo, o evento terá parceria com a Smart Driving Labs (SDL). A empresa conta com tecnologia que permite o monitoramento, em tempo real, de dados dos veículos como velocidade média, freadas bruscas e eventuais problemas no percurso.

Uma das vantagens é gerar economia para a organização com a manutenção dos veículos. Pela própria natureza da tarefa, a frota de apoio costuma ser entregue com muitos danos. O dado de economia de até 35% nos custos de manutenção é referente ao ano passado em comparação com 2018, quando os veículos não tinham a solução embutida.  

A empresa também atua com serviços em carros convencionais, fornecendo dados para montadoras, concessionários e proprietários. 

Para incentivar os motoristas dos carros de apoio a terem a melhor conduta possível, a empresa decidiu criar o Prêmio Smart Driver para reconhecer os pilotos que tiveram melhor desempenho com os carros de apoio. 

"No ano passado, foram 55 carros de apoio monitorados por 220 mil km. Queríamos que eles soubessem que estavam sendo acompanhados, até para ajudá-los em qualquer situação. A ideia era uma condução menos agressiva, até porque eles ajudam no rally e não são participantes. Mas, muitas vezes, isso não acontecia. Por isso o prêmio para incentivar os melhores motoristas", comenta Fernando Schaeffer, CEO da SDL.

Entre os critérios usados na premiação, dados que os responsáveis conseguem ter acesso em tempo real, como utilização do cinto de segurança. 

Fernando dá como exemplo situação ocorrida em 2019 quando muitos carros tiveram os motores fundidos por não terem realizado, a tempo, a troca e limpeza do filtro de ar. "Capturamos informações da última edição para realizar melhoria neste ano", resume. 

Depois de R$ 15 mi distribuídos em 2019, o prêmio para este ano é de R$ 20 mil. “Todos os grandes eventos esportivos estão se reinventando, com o Sertões não é diferente. Vamos nos deslocar com toda segurança para ativar as economias locais e levar cuidado a quem precisa. Adiar a prova, em tese a opção mais fácil, seria abandonar quem sempre nos acolheu. É da alma da comunidade do rally ser solidário”, comenta Joaquim Monteiro, CEO do evento.

Escreva um comentário
Comentar
Log View
Vem ser Premium!
Seja Premium
Salve matérias
Você poderá salvar as matérias para ler quando e onde quiser.
Matérias Premium
Veja as matérias exclusiva para usuários premium.
Notificações
Receba notificações de novas matérias do seu time do coração.
Av. Babita Camargos, 1645 - Contagem Minas Gerais - CEP: 32210-180
+55 (31) 2101-3000