Daniel Ottoni
@dottoni
15/09/20
15h22

Oportunidade

Sada Cruzeiro empresta sete jovens valores para o Ribeirão Preto Vôlei

Equipe celeste conta com perfil do time paulista para fazer seus atletas ganharem experiência na Superliga

Central Guilherme Rech terá primeira chance de jogar principal competição do país
Daniel Ottoni | @dottoni
15/09/20 - 15h22

O Sada Cruzeiro, mesmo sem parcerias oficiais, segue utilizando o mercado para promover jovens da sua base. Na temporada 2020/2021, sete jogadores formados no Barro Preto irão defender o Ribeirão Preto Vôlei(SP), que teve redução de investimento. A proposta do time paulista é dar espaço para jovens valores.

O time celeste cedeu ao Ribeirão o central Vicenzo Gherrard, de 18 anos e 2.00m, que estava no Montes Claros, além dos pontas Marcos Vinicius Malta (2,00m e 17 anos) e Bruno Marques (1,98m e 19 anos).

Também foram emprestados o levantador Ramon, de 16 anos e 1,97m, o central Guilherme Rech (2,04m), o líbero Pedro Henrique Tomasi (1,75m) e o oposto e ponteiro Luis Henrique Sousa (2,02m), os três últimos de 19 anos. 

Nos anos anteriores, o Sada Cruzeiro fez parcerias com times mineiros como Montes Claros, Juiz de Fora e Lavras, situação que a pandemia interrompeu. Alguns destes atletas já reúnem passagem por times profissionais, mesmo com pouca idade, o que lhe rendeu oportunidades em jogos de alto nível.

Agora, chega a chance de se apresentarem no maior torneio do país, subindo um degrau na carreira, tendo o clube a qual ainda pertecem como novo adversário. É certo que serão observados de perto com a expectativa de retornar com mais qualidade ao time de Belo Horizonte. 

"Esta temporada foi atípica, marcada por incertezas e optamos em não fazer parceria com nenhum clube. Entretanto, estudamos alguns pedidos. No caso específico de Ribeirão, liberamos atletas que estavam em casa, uma vez que a base do Sada Cruzeiro ainda não voltou aos trabalhos por causa da pandemia. Achamos interessante nesse caso pela confiança no treinador Marcos Pacheco e sabemos que, com ele, os atletas continuarão crescendo. São atletas promissores e que infelizmente, por causa da pandemia, ficariam em casa até o final do ano, já que até a CBV cancelou todos os torneios da base", comenta Flávio Pereira, diretor esportivo do Sada Cruzeiro. 

Quem ganha a oportunidade de mostrar serviço em um time da elite, agradece, ciente de que estará diante de uma chance para poucos. 

"Vai ser algo fantástico pra mim, vou poder ganhar experiência dentro de um time adulto, na minha primeira chance em uma equipe de Superliga. Vai ser bom pegar rodagem e aprender ainda mais para conquistar meus objetivos, inclusive dentro do Sada Cruzeiro. Vou dar o meu máximo para ganhar muitos minutos de quadra", comenta Guilherme Rech, central de 19 anos, os três últimos deles se dividindo entre Sada Cruzeiro e seleções de base. 

A tendência é que o treinador Marcos Pacheco dê muitas chances para os jovens cruzeirenses, uma vez que seu elenco terá orçamento reduzido, diferente do perfil da última temporada.

"Ele é uma referência como pessoa e como técnico, estou ansioso e com expectativas altas pra essa temporada. A pandemia foi muito prejudicial pro pessoal da base, principalmente para os mais novos. Muitos meninos vão sofrer bastante. Menos mal que no Sada Cruzeiro todos possuem o acompanhamento direto do Mateus, preparador fisico, e do Beto e do Tiago, técnicos da base", salienta Rech. 
 

Escreva um comentário
Comentar
Log View
Vem ser Premium!
Seja Premium
Salve matérias
Você poderá salvar as matérias para ler quando e onde quiser.
Matérias Premium
Veja as matérias exclusiva para usuários premium.
Notificações
Receba notificações de novas matérias do seu time do coração.
Av. Babita Camargos, 1645 - Contagem Minas Gerais - CEP: 32210-180
+55 (31) 2101-3000