Gláucio Castro
@superfcoficial
25/10/20
08h00

Vôlei masculino

Sada Cruzeiro foca decisão da Supercopa contra grande rival

Equipe reencontra o Taubaté na sexta-feira (30) para tentar dar o troco após perda do título do Super Vôlei

Gláucio Castro | @superfcoficial
25/10/20 - 08h00

A derrota para o EMS Taubaté Funvic (SP) por 3 a 0 na noite deste sábado (24) já ficou para trás. O elenco do Sada Cruzeiro volta aos treinos na segunda-feira (26) de olho no reencontro com o rival já na próxima sexta-feira, pela Supercopa, quando a equipe celeste vai tentar dar o troco. Até lá o técnico Marcelo Mendez tentará corrigir as falhas observadas na decisão do Super Vôlei, que custaram caro aos azuis.

A Supercopa será disputada em Campo Grande (MS), às 21h30, em jogo único entre o atual campeão da Copa Brasil (Cruzeiro) e o primeiro colocado da Superliga (Taubaté), quando a competição foi paralisada, em março, por causa da pandemia de coronavírus. A partida também servirá de preparação para a Superliga masculina de vôlei, que começa em novembro. O Sada Cruzeiro vai buscar o hepta da competição.

O encontro entre Sada Cruzeiro e Taubaté daqui seis dias promete ser mais um jogão daqueles como foi o deste sábado. Enquanto o Taubaté tem seis jogadores que fazem parte da seleção brasileira de vôlei, o Sada Cruzeiro possui atletas de alto nível, também com presença constante pelo time nacional para bater de frente com um dos principais adversários da atualidade.

A base mantida dos azuis pode pesar a seu favor, tendo apenas dois reforços recém-chegados e um peso estrangeiro que Taubaté preferiu não ter para a temporada. Os paulistas mudaram bastante o elenco e também sua comissão técnica, buscando o primeiro título depois de serem surpreendidos na final do Paulista para o Vôlei Renata (SP).

Retorno

O destaque positivo na perda do título para o Taubaté na noite de sábado foi o ponteiro Rodriguinho, que entrou ao longo do confronto e teve uma boa atuação depois de passar a última temporada fora de quadra. “Eu acho que o aprendizado desta partida é que, em primeiro lugar, a gente tem que fazer o nosso jogo bem feito. Sem tirar nenhum mérito de Taubaté, que é uma equipe muito forte, acho que em alguns momentos nós deixamos a desejar. A gente vinha em uma crescente muito boa até este jogo e alguns erros voltaram a aparecer hoje. Mas é um aprendizado, o jogo passa pelas nossas mãos e nós precisamos fazer o nosso melhor o tempo todo. E temos que ir com esse pensamento para a Supercopa na próxima semana”, analisou o ponteiro.

Capitão e dono da camisa 18 cruzeirense há 11 anos, Filipe analisou o revés e já começou a pensar no próximo jogo. “É um começo de temporada e acredito que a nossa equipe está crescendo aos pouquinhos. Enfrentamos um grande time, sabíamos da dificuldade, mas acho que faltou a gente querer mais, ter mais convicção em momentos decisivos ao querer uma bola, encarar de frente. Estamos montando um grupo novo, construído a cada jogo, e acho que as novas peças estão começando a entender também que esta camisa tem um peso. É uma força, uma camisa vencedora que honramos com muito respeito. Hoje tentamos muito, mas não deu. Mas na semana que vem já tem mais torneio, de novo um jogo importante contra Taubaté e temos que entrar com mais gana, mais vontade, porque o jogo hoje foi brigado, mas no detalhe a gente perdeu”, concluiu.

Escreva um comentário
Comentar
Log View
Vem ser Premium!
Seja Premium
Salve matérias
Você poderá salvar as matérias para ler quando e onde quiser.
Matérias Premium
Veja as matérias exclusiva para usuários premium.
Notificações
Receba notificações de novas matérias do seu time do coração.
Av. Babita Camargos, 1645 - Contagem Minas Gerais - CEP: 32210-180
+55 (31) 2101-3000