Daniel Ottoni
@dottoni
26/10/21
05h00

Supercopa

Vôlei: Sada quer título contra 'antigo Taubaté' sem a mesma força de antes

Adversário precisou deixar cidade paulista em virtude de crise administrativa e financeira, sendo obrigado a mudar grande parte do estrelado elenco

Daniel Ottoni | @dottoni
26/10/21 - 05h00

O Sada Cruzeiro deixa o teórico favoritismo de lado para concentrar nas suas melhores ações na final da Supercopa. Nesta terça-feira às 19h30, o time celeste encara o Funvic Educacoin Natal (RN) em Várzea Grande (MT), com transmissão do Sportv. O torneio, que acontece em jogo único, reúne os atuais campeões da Copa Brasil e da Superliga.

Até pouco tempo, o time do Rio Grande do Norte tinha sua sede em Taubaté, contando com um dos maiores investimentos do país e um elenco recheado de jogadores da seleção, a exemplo do levantador Bruninho, dos centrais Lucão e Maurício Souza e dos pontos Douglas Souza e Maurício Borges.

A crise financeira e administrativa do time fez a mudança de casa ir para Natal e o investimento cair. Todos os nomes citados deixaram o projeto, assim como outras referências como o levantador Rapha e o ponta João Rafael.

O elenco, agora, é mais modesto, mas segue a qualidade para incomodar os mineiros, especialmente pela presença do técnico Javier Weber, um estrategista de mão cheia. "Deixamos esse favoritismo de lado, em quadra temos que dar nosso máximo. Somos um time vencedor e sabemos que muitos vão nos colocar como favoritos. Mas é preciso ter cuidado, até porque não conhecemos tão bem o time deles, que foi bastante reformulado. Todo cuidado é pouco, ainda mais em uma decisão de jogo único", alerta o central Otávio. 

O Sada Cruzeiro chega com melhor ritmo depois de dois amistosos de pré-temporada contra o Montes Claros América, além da campanha do título do Campeonato Mineiro.

O time de Natal não teve a mesma oportunidade de seguidas partidas neste começo de temporada mas já mostrou suas armas na estreia da Superliga diante do Goiás (GO), tendo no cubano Elian, ex-Minas, uma das suas maiores potências ofensivas. Este foi o único jogo do time na atual temporada, sem ter tido a chance de amistosos ou torneios preparatórios. 

"Se a gente entrar com tudo, podemos ter menos problemas. Todo jogo é uma grande motivação, a partir do momento em que uma sequência de vitórias acontece, criamos uma casca mais dura e a confiança vem junto", analisa Otávio. 

---

O TEMPO reforça o compromisso com o jornalismo mineiro, profissional e de qualidade. Nossa redação produz diariamente informação responsável e que você pode confiar.

Siga O TEMPO no Facebook, no Twitter e no Instagram. Ajude a aumentar a nossa comunidade.

Escreva um comentário
Comentar

Ver todos
Fechar
Log View
Vem ser Premium!
Seja Premium
Salve matérias
Você poderá salvar as matérias para ler quando e onde quiser.
Matérias Premium
Veja as matérias exclusiva para usuários premium.
Notificações
Receba notificações de novas matérias do seu time do coração.
Av. Babita Camargos, 1645 - Contagem Minas Gerais - CEP: 32210-180
+55 (31) 2101-3000