escalada

Israel declara guerra contra o Hamas após ataques massivos

“Cidadãos de Israel, estamos em guerra – não numa operação, não em rondas – em guerra, disse Netanyahu

Por O Tempo
Publicado em 07 de outubro de 2023 | 08:19
 
 
 
normal

O primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, declarou que seu país está em guerra contra o Hamas. A declaração foi feita neste sábado (7), depois que militantes da Faixa de Gaza dispararam vários foguetes e enviaram homens armados para o território israelense, em uma grande escalada do conflito de longa data entre os dois lados.

“Cidadãos de Israel, estamos em guerra – não numa operação, não em rondas – em guerra”, disse Netanyahu numa mensagem de vídeo.

O grupo Hamas, que comanda Gaza, também conclamou a população palestina. “Se você tem uma arma, tire-a. Este é o momento de usá-lo – saia com caminhões, carros, machados, hoje começa a melhor e mais honrosa história”, disse o comandante militar do Hamas, Muhammad Al-Deif, em uma mensagem gravada.

Até às 18h (horário local), Israel havia contabilizado 70 mortes de centenas de feridos. Já na Faixa de Gaza, quase 200 plaestinos foram mortos durante a contraofensiva israelense, que destruiu dezenas de edifícios. 

 

Notícias exclusivas e ilimitadas

O TEMPO reforça o compromisso com o jornalismo profissional e de qualidade.

Nossa redação produz diariamente informação responsável e que você pode confiar. Fique bem informado!