Canadá

Professora é condenada após sexo com dois alunos e pedir beijo de presente

O caso ocorreu em 2016 e foi julgado nesta semana na província de Ontário, no Canadá; os alunos tinham 15 e 16 anos.

Por O TEMPO
Publicado em 10 de agosto de 2023 | 09:05
 
 
 

Uma professora, de 34 anos, foi condenada, nesta semana, a quatro anos de prisão após fazer sexo com dois estudantes. O caso ocorreu em 2016 quando, na época, Marianna Riossi lecionava em um colégio católico na cidade de Aurora, na província de Ontário, no Canadá, e os alunos tinham 15 e 16 anos. 

Segundo o Daily Star, professora dava carona para um dos adolescentes ao retornar a casa e as relações aconteciam no meio do trajeto. Tudo começou quando a mulher pediu ao rapaz um beijo como “presente de Natal”.

De acordo com o Joseph Di Luca, a mulher se declarou culpada quatro dias antes do início do julgamento. O magistrado diz ainda que não considera atenuante o fato de as vítimas serem adolescentes do sexo masculino e o perpetrador, uma mulher.

“Mulheres jovens são particularmente vulneráveis ​​a crimes sexuais cometidos por homens, isso não significa que crimes sexuais com adolescentes do sexo masculino devam ser descartados”, escreveu ele.

Segundo testemunhas, a mulher, que estava noivo na época, conheceu sua primeira vítima em uma aula de teatro.  Em seguida, entrou em contato com o jovem via Instagram usando a conta de outro aluno. A dupla começou a falar ao telefone com teor sexuais antes de finalmente pedir um beijo como presente de Natal antecipado. Em seguida, o contratou para ajudar nas sessões de fotos de casamento com seu irmão.

Logo depois ela  passou a se relacionar com outro aluno.

Com informações de Daily Star.

Notícias exclusivas e ilimitadas

O TEMPO reforça o compromisso com o jornalismo profissional e de qualidade.

Nossa redação produz diariamente informação responsável e que você pode confiar. Fique bem informado!