Josias Pereira
@josiaspereira
19/10/20
16h55

Reação não pode esperar

Cruzeiro desafia força do Operário como mandante para respirar na Série B

Desde a Série C, em 2018, paranaenses vêm mostrando força em casa; na atual edição da segunda divisão, o time perdeu apenas um jogo no Germano Kruger

Jogando em seus domínios, Operário tenta embalar na reta final do turno — Foto: José Tramontin/Operário-PR
Josias Pereira | @josiaspereira
19/10/20 - 16h55

O Cruzeiro se prepara um desafio e tanto nesta terça-feira, às 21h30, quando vai até o Germano Kruger, em Ponta Grossa, no interior do Paraná, para encarar o Operário, pela 17ª rodada do Brasileiro da Série B. Apesar de vir de uma derrota para o CRB por 4 a 1 na última jornada, a equipe volta ao seu reduto peculiar. Nos últimos anos, o Fantasma tem se destacado por ser um dos melhores mandantes do país. 

Fortaleza Kruger

Quando da campanha do acesso à segunda divisão, em 2018, o Operário não perdeu nenhum jogo no Germano Kruger, foram sete vitórias e cinco empates. O time sagrou-se campeão da terceira divisão batendo o Cuiabá após empatar em casa por 3 a 3 e vencer na volta, fora de Ponta Grossa, por 1 a 0. 

No ano passado, pela Série B, o Operário foi o quarto melhor mandante do torneio, conquistando 36 pontos, com 11 vitórias, três empates e cinco derrotas (um aproveitamento de 63,2%). 

Já em 2020, em sete jogos pela Série B no Germano Kruger, o time foi derrotado apenas uma vez. O retrospecto ainda mostra três vitórias e três empates, para um total de 12 pontos e 57,1% de rendimento. 

Velhos conhecidos dos mineiros

Para esse duelo com o Cruzeiro, o Fantasma chega com alguns nomes conhecidos da torcida mineira. São eles, o goleiro Thiago Braga, que integrou o elenco campeão da Tríplice Coroa em 2003; o meia Pedro Ken, que defendeu a Raposa, mas está suspenso para a partida desta terça-feira; o atacante Douglas Coutinho, ex-Cruzeiro, com seis gols na temporada em 28 jogos; além do zagueiro Ricardo Silva, ex-América; e o lateral-direito Alex Silva, ex-América e Atlético.

Objetivo do Fantasma 

Comandado pelo técnico Gerson Gusmão, o Fantasma tenta recuperar o equilíbrio na competição diante do Cruzeiro. Nas últimas cinco rodadas, o Operário demonstrou muita irregularidade, com duas derrotas, dois empates e uma vitória.

Escreva um comentário
Comentar
Log View
Vem ser Premium!
Seja Premium
Salve matérias
Você poderá salvar as matérias para ler quando e onde quiser.
Matérias Premium
Veja as matérias exclusiva para usuários premium.
Notificações
Receba notificações de novas matérias do seu time do coração.
Av. Babita Camargos, 1645 - Contagem Minas Gerais - CEP: 32210-180
+55 (31) 2101-3000