Daniel Ottoni
@dottoni
25/09/20
07h00

Ganhando terreno

Goleiro-linha é arma do Minas contra o Praia em clássico mineiro da Liga Futsal

Estratégia do time de BH foi muito elogiada por técnico adversário; rival de Uberlândia está na vice-lanterna

Ferro é o artilheiro da Liga Futsal com seis gols — Foto: Divulgação
Daniel Ottoni | @dottoni
25/09/20 - 07h00

No futsal moderno, é essencial que times que pensem alto contem com uma alternativa que pode ser eficiente e fazer a diferença em momentos adversos. A presença do goleiro-linha é vista com frequência na modalidade e não é diferente na Liga Nacional de Futsal (LNF). Neste domingo, às 13h30,  em Uberlândia, acontece o clássico mineiro do torneio entre Praia Clube e Minas.

Depois de nove jogos, o time de BH está na quarta posição, dentro da zona de classificação, enquanto o rival ocupa a vice-lanterna, a dois pontos do quinto colocado. Os cinco melhores de cada grupo, além da equipe de sexta melhor campanha, se classificam para a próxima fase. O técnico Morcego, do Praia, sabe da força que o Minas tem com fixo Ferro, que se transforma em importante alternativa quando o time está atrás no placar. 

"Atualmente, eles possuem inúmeras variações de jogadas. O goleiro-linha deles é o mais bem feito nesta edição da Liga em minha opinião. Já tiveram bastante êxito com esta formação", comenta o treinador. 

Na estreia minastenista no torneio, o placar contrário de 5 a 0 fez o técnico Peri Fuentes lançar mão da estratégia, que deu certo com empate fora de casa diante do Real Brasília (DF). A presença de Ferro voltou a ser usada em outros jogos, que ajudaram na campanha de uma vitória, dois empates e uma derrota em quatro partidas. Ferro é o artilheiro da competição com seis gols, um deles vindo como goleiro-linha.

"É uma posição fundamental. Na grande maioria dos jogos, esta estratégia é usada, às vezes para ter a posse, gastar tempo e buscar resultado. Se tivermos um bom ataque, isso nos ajudará a treinar a nossa defesa de gol-linha", comenta Peri Fuentes, técnico do Minas. 

Dando certo

Ferro foi um dos remanescentes da última temporada. Sua presença como goleiro-linha, em 2019, no entanto, não foi tão eficiente como acontece agora. 

"Os atletas são praticamente os mesmos. Porém, agora temos um ano a mais de treinos, de experiência, de jogo. Foi uma evolução natural. Sabemos que nem sempre funcionará. O segredo é muito treinamento, disciplina e repetições, simulando sempre mais de uma opção. Este jogador precisa ter coragem, velocidade, bom passe, chute e, principalmente, visão de jogo", analisa o treinador. 

Escreva um comentário
Comentar

Leia também:

Log View
Vem ser Premium!
Seja Premium
Salve matérias
Você poderá salvar as matérias para ler quando e onde quiser.
Matérias Premium
Veja as matérias exclusiva para usuários premium.
Notificações
Receba notificações de novas matérias do seu time do coração.
Av. Babita Camargos, 1645 - Contagem Minas Gerais - CEP: 32210-180
+55 (31) 2101-3000