Duda Gonçalves
@otempo
06/05/21
16h27

Agora vai?

América: Zé Ricardo almeja chegar à sua primeira final de Campeonato Mineiro

Jogador não estava no elenco que chegou a final contra o Atlético em 2016 e foi campeão estadual

Na partida contra o Cruzeiro no último domingo (2), Zé Ricardo alcançou a marca de 160 jogos pelo América — Foto: Mourão Panda / América
Duda Gonçalves | @otempo
06/05/21 - 16h27

Na última vez que o América disputou uma final do Campeonato Mineiro, em maio de 2016, não contava com quem, hoje, é uma das peças fundamentais do time: o volante Zé Ricardo. À época, com 20 anos, ainda não tinha sido promovido ao elenco profissional, o que veio a ocorrer seis meses depois durante a disputa da Série A do Campeonato Brasileiro.

Mais experiente, o volante americano espera chegar à primeira decisão estadual, o que será um marco em sua história no clube. “É mais um momento de grande importância com essa camisa. Temos como objetivo chegar à decisão e manter viva a chance de voltar a dar um título mineiro a essa torcida”, declarou.

No último domingo, o volante alcançou a marca de 160 jogos pelo clube, com aproveitamento de 59%. Nesta temporada, foi titular em 10 jogos e ficou de fora de outras três - contra Pouso Alegre, Caldense e Treze-PB -, pois tratava de uma tendinite. Na partida contra o Coimbra, pela 10ª rodada do Campeonato Mineiro, o volante marcou seu segundo gol vestindo a camisa do América.

No próximo domingo (9), às 16h, o América vai entrar em campo com a vantagem de jogar por um empate, ou até mesmo perder por um gol de diferença, já que venceu o primeiro jogo por 2  a 1. “A gente sabe da dificuldade de enfrentar o Cruzeiro, em mais um clássico, mas estamos prontos para outro grande duelo”, disse o volante.

Formado nas categorias de base do clube, Zé Ricardo se tornou referência para os garotos. “É bacana ajudar os mais jovens do elenco. Sou muito grato ao clube pela minha formação e essa trajetória. O nosso grupo é bom, preparado e queremos muito alcançar a final”, finalizou.

Começo 

Zé Ricardo ascendeu ao profissional no segundo semestre de 2016. O jogador treinava com o time principal e era observado pelo técnico Enderson Moreira, que com a saída de alguns atletas e férias de outros, resolveu recorrer à base, que se preparava para a Copa São Paulo. 

Antes de fazer suas estreia no profissional, Zé Ricardo já havia sido relacionado para três jogos, contra Flamengo, Grêmio e Sport, na reta final do Campeonato Brasileiro daquele ano. A partida contra o Santos, pela 38ª rodada, na Vila Belmiro, marcou o rebaixamento do Coelho à Segunda Divisão e o primeiro jogo de Zé Ricardo no elenco principal.

O volante foi acionado aos 40 minutos do segundo tempo e entrou no lugar de Christian, seu companheiro de posição. Se destacou e em 2017 passou a integrar o profissional. A primeira partida como titular foi no Campeonato Mineiro, no empate em 1 a 1 com o Villa Nova, na Arena Independência e desde então, não saiu mais do time titular.

---

O TEMPO reforça o compromisso com o jornalismo mineiro, profissional e de qualidade. Nossa redação produz diariamente informação responsável e que você pode confiar.

Siga O TEMPO no Facebook, no Twitter e no Instagram. Ajude a aumentar a nossa comunidade.

Escreva um comentário
Comentar
Log View
Vem ser Premium!
Seja Premium
Salve matérias
Você poderá salvar as matérias para ler quando e onde quiser.
Matérias Premium
Veja as matérias exclusiva para usuários premium.
Notificações
Receba notificações de novas matérias do seu time do coração.
Av. Babita Camargos, 1645 - Contagem Minas Gerais - CEP: 32210-180
+55 (31) 2101-3000