Daniel Ottoni
@dottoni
26/11/20
13h00

Em maturação

Galo: emergência fez clube recorrer à base, que mostrou seu valor

Nomes como Calebe e Talisson não comprometeram na 'fogueira' de dar conta do recado após seguidos casos de Covid-19

Calebe ganhou missão de ser titular do Galo de forma repentina — Foto: Pedro Souza - Atlético
Daniel Ottoni | @dottoni
26/11/20 - 13h00
Na teoria, colocar jovens da base para integrar o time profissional deve acontecer em um momento de menor pressão. Na prática, o que se viu no Atlético, nos últimos dias, foi jogadores jovens, sem presença pela equipe 'de cima', ganhando oportunidades de, não somente fazer parte do elenco, como ter a missão de corresponder dentro de campo.

Os seguidos casos de Covid-19 na Cidade do Galo abriram chances para valores que mostraram sua qualidade para deixar claro que o elenco está bem servido também entre os mais novos. 
 
Nos três últimos jogos, atletas do time sub-20 e do time de transição foram promovidos e deram conta do recado. O lateral-direito Talison e o meia Calebe viraram, de forma repentina, titulares. No decorrer das partidas, outros nomes foram chamados como o meia Wesley e o zagueiro Gustavo Henrique. Muitos jovens foram convocados para integrar o banco para qualquer eventualidade.

"O que me chamou atenção neles foi a humildade. Todos agregaram ao grupo de um jeito natural e tranquilo, ouviram muito nossos conselhos. Além da qualidade, essa humildade indica que eles terão um bom futuro. Quem subiu, nos ajudou e acho que o Galo terá bons frutos", comenta o meia Hyoran.
 
Leandro Zago, técnico do time de transição e que ganhou a missão de ser o treinador efetivo nos três últimos jogos, já conhecia o potencial de boa parte dos atletas. Muitos já eram seus comandados e ele mostrou-se satisfeito com o que foi mostrado. "Talisson e Calebe têm apenas 20 anos, podem não estar preparados agora para asssumir uma posição dentro do time, já que elevamos muito o patamar da equipe. Mas eles estão em desenvolvimento e maturação e posso garantir que outros atletas como eles virão na sequência. A base do Atlético tem muitos profissionais qualificados e dedicados", comenta em entrevista à TV Galo. 
 
Para ele, a necessidade de recorrer a atletas jovens deixou claro como o clube está bem servido de talentos. "Essa urgência mostrou a força que a instituição têm. Quem foi chamado pode não ter sido destaque, mas mostrou que tem nível pra jogar. Eles ainda serão desenvolvidos, participei do processo de 10 ou 11 deles e o trabalho na transição é muito bem feito", garante. 
Escreva um comentário
Comentar
Log View
Vem ser Premium!
Seja Premium
Salve matérias
Você poderá salvar as matérias para ler quando e onde quiser.
Matérias Premium
Veja as matérias exclusiva para usuários premium.
Notificações
Receba notificações de novas matérias do seu time do coração.
Av. Babita Camargos, 1645 - Contagem Minas Gerais - CEP: 32210-180
+55 (31) 2101-3000