Fernando Martins y Miguel
@martinsymiguel
27/01/21
07h30

Promissor

Cruzeiro tem em Adriano o exemplo de aposta na base, mesmo após ano ruim

Raposa não se classificou para a Série A, nem foi bem nas competições que disputou, mas jovem revelação foi um dos poucos destaques da temporada

O jogador foi lançado no profissional ainda no Campeonato Mineiro, quando realizou três partidas — Foto: Cruzeiro / divulgação
Fernando Martins y Miguel | @martinsymiguel
27/01/21 - 07h30

Um dos poucos que se salvou na temporada ruim do Cruzeiro mostrou que, há sim, qualidade nas categorias de base do clube. Basta confiar, dar oportunidade e, claro, contar com a personalidade e talendo de quem está em campo.

Foi assim que o volante Adriano conseguiu se firmar como titular do meio-campo cruzeirense, sob o comando do técnico Luiz Felipe Scolari. O jogador foi lançado no profissional ainda no Campeonato Mineiro, quando realizou três partidas.

Até aqui, ele jogou 24 jogos pelo Cruzeiro sob os comandos de Enderson Moreira, Ney Franco, Célio Lúcio e Felipão. Adriano atuou contra o CRB, pela Copa do Brasil e fez 20 partidas pelo Brasileiro da Série B.

"Para mim foi uma temporada muito boa, porque fiz bastante jogos. Isso é muito bom para minha carreira. Começar assim, mesmo muito novo e jogar bastante é muito bom", avalia Adriano.

Nesta sexta-feira (29), contra o Paraná, Adriano reencontrará Célio Lúcio, seu ex-treinador no Sub-20 celeste, e quem o indicou para Felipão, logo no primeiro jogo do pentacampeão no comando da Raposa, contra o Operário, na vitória por 1 a 0, ainda no primeiro turno. Felipão chegou a agradecer Célio Lúcio pela indicação de Adriano, na ocasião.

"Quero elogiar o Célio Lúcio, que colocou o Adriano na equipe. Eu tinha dificuldades na escolha e ele disse que poderia colocá-lo. Eu tenho pessoas que posso confiar, que confio plenamente, e a virtude de colocar o Adriano, que jogou muito bem, se posicionou muito bem, foi do Célio", disse Scolari.

Contra o Paraná, Adriano se mostrar à vontade com o comando interino de Célio Lúcio.

"O Célio está com a gente no dia a dia, nos treinamentos. Como ele foi nosso treinador no Sub-20, é importante que passa a confiança. Dele para a gente e da gente para ele também. Ele nos conhece muito bem, sabe da maneira que a gente gosta de jogar e vamos firmes para vencer esse último jogo", finalizou.

---

Em tempos de desinformação e pandemia, o jornal O TEMPO reforça o compromisso com o jornalismo mineiro, profissional e de qualidade. Nossa redação produz diariamente informação responsável e que você pode confiar. Continue nos apoiando. Assine O TEMPO.

Escreva um comentário
Comentar

Ver todos
Fechar
Log View
Vem ser Premium!
Seja Premium
Salve matérias
Você poderá salvar as matérias para ler quando e onde quiser.
Matérias Premium
Veja as matérias exclusiva para usuários premium.
Notificações
Receba notificações de novas matérias do seu time do coração.
Av. Babita Camargos, 1645 - Contagem Minas Gerais - CEP: 32210-180
+55 (31) 2101-3000