Thiago Fernandes
@OTEMPO
14/10/21
05h00

Valorizado

Cruzeiro: Vitor Roque tem multa de R$ 1,9 bilhão para o exterior

Atacante de 16 anos, que tem média de quase um gol por jogo no ano, tem 30% dos direitos econômicos ligados ao América

Vitor Roque, de 16 anos, estreou pelo profissional diante do Botafogo — Foto: Bruno Haddad/Cruzeiro
Thiago Fernandes | @OTEMPO
14/10/21 - 05h00

Um nome chamou a atenção no empate por 0 a 0 entre Cruzeiro e Botafogo, na noite da última terça-feira (12), no Independência. O jovem Vitor Roque, de 16 anos, se destacou ao criar jogadas e dar passes durante o período em que ficou em campo na patida válida pela 30ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. O Super.FC apurou detalhes do contrato do garoto, como multa rescisória e divisão de direitos econômicos.

O atacante, que soma 19 gols em 20 partidas disputadas pelo time sub-17, assinou o seu primeiro contrato profissional em maio de 2021. Ele firmou vínculo por três anos na Toca da Raposa II, até metade de 2025. A sua multa rescisória para o futebol do exterior é de 300 milhões de euros (R$ 1,919 bilhão na cotação atual), conforme apurado com uma fonte ligada à atual gestão do Cruzeiro. O valor estabelecido para uma venda nacional é calculado conforme o salário do garoto.

O valor elevado é por causa do destaque do jovem nas divisões de base. Em seu primeiro ano no time sub-17 – já que tem apenas 16 anos e joga com garotos com idade superior –, tem média de 0,95 gol por partida. O atleta é visto como a principal joia das divisões de base do clube.

O percentual do atleta é dividido entre América e Cruzeiro. O Coelho detém 30% dos direitos econômicos do jogador, enquanto a Raposa é dona dos outros 70%. Antes de atuar pelo clube celeste, ele defendeu as cores do time alviverde.

Na noite dessa terça-feira (12), Vitor Roque entrou na vaga de Bruno José na partida contra o Botafogo, disputada na Arena Independência. O atacante de 16 anos, no entanto, foi substituído 18 minutos mais tarde por Keké. A avaliação é que ele foi exigido acima do que pode em termos físicos.

Aos 16 anos, Vitor Roque fez a sua primeira partida profissional pelo Cruzeiro por decisão do técnico Vanderlei Luxemburgo. O comandante está animado com a possibilidade de usar o jovem em mais compromissos da equipe.

"Falei para ele que o cansaço é a emoção de entrar no jogo e estrear com 16 anos. Levou até um susto, coitadinho. Mas conseguiu fazer jogadas, mostrou a cara. Mostrou a que veio. Tirei ele porque não conseguia mais dar pique, tinha que voltar, jogar e não conseguia mais. Mas dei os parabéns pela estreia", avaliou o treinador.

"Mais um jogador que o Cruzeiro está lançando com qualidade para trabalhar bem trabalhado. Sem pressa. Colocar, tirar, jogar nas categorias de base, voltar, ter espaço. Acho que é um jogador que promete muito", acrescentou.

---

O TEMPO reforça o compromisso com o jornalismo mineiro, profissional e de qualidade. Nossa redação produz diariamente informação responsável e que você pode confiar.

Siga O TEMPO no Facebook, no Twitter e no Instagram. Ajude a aumentar a nossa comunidade.

Escreva um comentário
Comentar

Ver todos
Fechar
Log View
Vem ser Premium!
Seja Premium
Salve matérias
Você poderá salvar as matérias para ler quando e onde quiser.
Matérias Premium
Veja as matérias exclusiva para usuários premium.
Notificações
Receba notificações de novas matérias do seu time do coração.
Av. Babita Camargos, 1645 - Contagem Minas Gerais - CEP: 32210-180
+55 (31) 2101-3000