VALE DO MUCURI

Procon recolhe mais de duas toneladas de carnes impróprias para o consumo em açougues de MG

Ao todo, 40 açougues foram autuados e 18 interditados; operação foi realizada em seis cidades mineiras

Por Rayllan Oliveira
Publicado em 22 de maio de 2024 | 09:39 - Atualizado em 22 de maio de 2024 | 12:49
 
 
 

Mais de duas toneladas de carnes impróprias para o consumo foram apreendidas durante uma operação do Procon-MG na região do Vale do Mucuri, em Minas Gerais. A operação teve início em março deste ano, sendo realizada em duas etapas. Ao todo, 40 açougues foram autuados e 18 interditados.

De acordo com o Procon-MG, as principais irregularidades constatadas foram a falta de alvará sanitário, acondicionamento inadequado e falta de comprovação de origem dos produtos. Foram fiscalizados 81 açougues das cidades de Ladainha, Poté, Ataléia, Pavão, Novo Oriente de Minas e Ouro Verde. 

"A operação é fundamental para garantir a segurança alimentar e proteger os consumidores dos municípios envolvidos. O apoio proporcionado pela sede do Procon-MG reforça o compromisso do órgão com a conformidade às normas sanitárias e Código de Defesa do Consumidor", afirma o coordenador da Divisão de Fiscalização das Relações de Consumo do Procon-MG, Luiz Otávio Teixeira.

Os fornecedores que estavam em situação irregular vão responder a processos administrativos. Ainda segundo o Procon, os estabelecimentos interditados só vão poder voltar a funcionar após a regularização das questões identificadas em desconformidade com a legislação. 

"Foram instaurados procedimentos administrativos e os estabelecimentos autuados terão oportunidade de apresentar defesa. Nos casos em que as infrações forem comprovadas, os estabelecimentos irão sofrer sanções administrativas", destaca a promotora de Justiça de Defesa do Consumidor de Teófilo Otoni, Milena Ribeiro de Matos Xavier.

A operação foi realizada com o apoio da Polícia Militar e da Vigilância Sanitária.

Notícias exclusivas e ilimitadas

O TEMPO reforça o compromisso com o jornalismo profissional e de qualidade.

Nossa redação produz diariamente informação responsável e que você pode confiar. Fique bem informado!