evidências

Irã devia saber da intenção, mas não conhecia detalhes sobre ataque, diz EUA

Casa Branca anunciou ainda que o secretário de Estado norte-americano, Antony Blinken, viajará a Israel

Por Agências
Publicado em 10 de outubro de 2023 | 18:13
 
 
 
normal

Porta-voz do Departamento de Estado dos Estados Unidos, Matthew Miller afirmou nesta terça-feira, 10, que o Irã provavelmente estava ciente da intenção do grupo palestino Hamas de atacar alvos em Israel, mas não sabia o cronograma nem os detalhes da ofensiva. "Não vimos evidência de que Irã tenha apoiado ou esteja por trás deste ataque", afirmou, em coletiva de imprensa.

Miller disse que, historicamente, os iranianos costumam ajudar e são parceiros da organização extremista da Palestina.

"Continuamos coletando evidências sobre se houve algum envolvimento direto antes de tomar qualquer ações adicionais", assegurou ele.

O porta-voz anunciou ainda que o secretário de Estado norte-americano, Antony Blinken, viajará a Israel nos próximos dias para reforçar o apoio dos Estados Unidos aos israelenses.

O líder supremo do Irã, Ayatollah Ali Khamenei, negou nesta terça-feira, 10, envolvimento do seu país nos ataques do Hamas contra Israel. Apesar de desmentir os rumores, Khamenei disse que vai continuar apoiando os palestinos. Este foi o primeiro posicionamento da autoridade máxima iraniana com relação à guerra.

Khamenei disse que os ataques aconteceram por causa de erros cometidos por Israel contra a Palestina.

(Estadão Conteúdo)
 

Notícias exclusivas e ilimitadas

O TEMPO reforça o compromisso com o jornalismo profissional e de qualidade.

Nossa redação produz diariamente informação responsável e que você pode confiar. Fique bem informado!