Fenômeno climático

Tempestade de neve deixa 14 mortos no Japão

Estimativas de institutos de meteorologia indicam previsão de até 60 cm de neve; Estados Unidos também sofre com fenômeno e já tem mais de um milhão de casas sem energia

Por Da Redação
Publicado em 25 de dezembro de 2022 | 10:22
 
 
 

A neve pesada que atinge o norte do Japão e outras regiões do país matou 14 pessoas, feriu mais de 80.  De acordo com o governo do paí, já são mais de 10 mil residências sem energia.

Segundo previsões da agência meteorológica do país, a  tempestade e ondas altas que se formaram na costa norte e ao longo da costa do Mar do Japão podem causar até 60 centímetros de neve.

Segundo informações da  Agência de Gerenciamento de Incêndios e Desastres do Japão, até o fim da tarde de sábado (24),  eram cerca de 30 pessoas gravemente feridas e mais de 50 sofreram ferimentos leves.

Os serviços de trens e aviões foram interrompidos no norte do Japão e algumas partes das áreas central e ocidental sofreram interrupções no tráfego, de acordo com a emissora pública NHK.

Estados Unidos

Uma severa tempestade de neve também atinge os Estados Unidos. A nevasca, histórica, deixou em alerta 200 milhões de pessoas em 48 dos 50 estados norte-americanos. Já são mais de um milhão de residências sem energia elétrica, milhares de voos cancelados e vários acidentes com mortos em rodovias.

O fenômeno provocou o caos no sistema de transportes, no momento em que milhões de americanos viajam para as festas de fim de ano.

 

Notícias exclusivas e ilimitadas

O TEMPO reforça o compromisso com o jornalismo profissional e de qualidade.

Nossa redação produz diariamente informação responsável e que você pode confiar. Fique bem informado!